Resenha: Ligados Pelo Amor (Stuck in Love)

Stuck-in-Love-Wallpaper-01

 

“As coisas mais importantes são as mais difíceis de dizer” – Stephen King

O filme conta a história de William Borgens (Greg Kinner), um famoso escritor de romances, que se divorciou há 3 anos mas nunca aceitou a separação. Em paralelo a isso, criou seus filhos, Samantha Borgens (Lilly Collins) e Rusty Borgens (Nat Wolf) para se tornarem escritores também, os incentivando a manter diários sobre suas vidas enquanto cresciam.

No entanto, em seus caminhos sempre houve a escrita e o amor. Como diz a personagem de Lilly Collins – que está muito bem no filme, talvez a melhor atuação da atriz – “existem dois tipos de pessoas no mundo: os românticos incorrigíveis e os realistas.” Porém, apesar da postura de durona, uma grande surpresa a espera ao conhecer o tímido, mas decidido, Lou (Logan Lerman), seu companheiro de faculdade, escritor e que a conquista com simples conversas sobre livros, músicas e programas favoritos.

Já, o romântico incorrigível, Rusty, é apaixonado por uma menina de sua sala, mas como sempre foi tímido e envergonhado, nunca teve coragem de expressar seus sentimentos, porém é impulsionado por seu pai a fazer isso. Segundo ele, ” um escritor é a soma de suas experiências.” Por isso, vale a pena arriscar e mergulhar no que desejamos sentir.

É lógico, que entre os romances, encontramos discussões relevantes sobre a família, e até drogas – apesar da forma nada clichê com que o tema é abordado no roteiro. “Ligados Pelo Amor” é um filme para se apaixonar, se deliciar, acreditar em segundas chances, e se inspirar, sempre se inspirar nas histórias da vida para escrevermos as nossas próprias.

O roteiro é envolvente, faz as pessoas refletirem diante da tela, criando vontades adormecidas em nós, os corações realistas. Há muito tempo não assistia a um filme tão cativante, com atuações leves e grandes emoções. É impossível não se apaixonar pela vida desses personagens que vivem de fazer histórias.

(Carolina Michels)

Anúncios

Um pensamento sobre “Resenha: Ligados Pelo Amor (Stuck in Love)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s